Famema passa pelo processo de avaliação do SAEME

08/07/2018 18:00

A Famema (Faculdade de Medicina de Marília) aderiu este ano ao processo de acreditação do SAEME (Sistema de Acreditação de Escolas Médicas), uma iniciativa conjunta do Conselho Federal de Medicina e da Associação Brasileira de Educação Médica, que norteia a avaliação dos cursos de medicina, seu contexto e política institucional.

Os objetivos da acreditação são de reconhecer e validar boas práticas, assim como contribuir para o aprimoramento da oferta de ensino, direcionando uma autorreflexão institucional em direção à qualidade. Este processo de avaliação utiliza os conceitos de suficiência e insuficiência, não sendo classificatório, permitindo a identificação de áreas ou aspectos de excelência educacional e de áreas que necessitem de aprimoramento.

Este instrumento é divido em três seções:

1) Caracterização da IES e do curso em processo de autoavaliação;

2) Documentação;  

3) Análise de indicadores de qualidade do curso e evidências.

Nessas seções, os indicadores estão organizados nas dimensões: 1) Gestão Educacional; 2) Programa Educacional; 3) Corpo Docente; 4) Corpo Discente e 5) Ambiente Educacional. A análise será realizada por um grupo de avaliadores externos e pela comissão de acreditação, que visitará a Famema em data a ser definida. Durante a visita todos os segmentos institucionais serão ouvidos.

Profª Dra. Haydée Moreira fala sobre o SAEME aos estudantes da Famema

"Estamos participando com um sentido de unidade institucional e de grande transparência educacional. Vamos colocar as informações de acordo com nossa realidade, considerando a percepção de todos os integrantes da equipe que compõem a Famema, assim teremos a oportunidade de localizar as fortalezas e perceber as fragilidades, e a partir desse reconhecimento, focar institucionalmente, contando com a participação do corpo docente, corpo discente, funcionários, e outros atores para consolidar a Famema que queremos, em um projeto de melhorias institucionais em todos os cenários acadêmicos", comentou a Profª Dra. Haydée Maria Moreira, coordenadora do Núcleo de Avaliação.

O SAEME é inspirado no Liaison Committee on Medical Education (LCME), processo oficial de acreditação dos cursos de medicina dos Estados Unidos e Canadá, e passa por processo de validação internacional, ou seja, as escolas que forem acreditadas pelo SAEME terão sua qualidade reconhecida internacionalmente, facilitando, por exemplo, a realização de convênios para estágios eletivos fora do país.

Ser acreditado pelo SAEME tem uma relevância muito grande, pois o Sistema encontra-se em processo de alinhamento com um sistema internacional de escolas médicas. "A acreditação possibilitará aos estudantes e egressos o livre trânsito internacional para os Estados Unidos e Canadá", concluiu a Profª Dra. Haydée Moreira.